Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A jaula

A jaula que me prende
Não possui barras ou correntes
É construída em minha mente
Porém me impede de viver

É a voz constante sussurrando
Mentiras tão vis e cruéis
Que envenenam minha mente como verdade
Palavras que julgam fora de papeis

Sentenciado em uma jaula
Um combate juramentado
Torna-se minha única esperança
Perante a solidão que me abate

Uma fresta ilumina resistente
Impedindo a razão de se perder
Fecho meus olhos para não ver a lamina
Que ameaça meu coração de bater

E o combate interno se estende
Destruindo sonhos crenças e dogmas
Porém a esperança me ilumina

Com sua fresta de liberdade
Sueli Zubinha
Enviado por Sueli Zubinha em 21/01/2018
Código do texto: T6231861
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Sueli Zubinha
Parapuã - São Paulo - Brasil, 22 anos
47 textos (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 11:08)
Sueli Zubinha