Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOS BRAÇOS DA SOLIDÃO!

No coração aflito
um profundo soluçar,
e, me pergunto baixinho
por que ele está a chorar;
como me dói ouvir o seu grito!

Num prantear incessante,
triste,abatido e ofegante,
murmura choroso o coração
sentindo a profunda dor da solidão!

Da solidão que amarga como o fel
tirando o sabor da vida...
Da solidão que faz o meu coração,
enegrecer como o mundo
que escurece ao anoitecer!

Solidão que me deixa tremer de frio,
solitária num ninho vazio!
Solidão que nunca me deixa sozinha
e que ao meu lado sempre caminha!

Depois de tanto chorar,
as lágrimas fica a secar
e pulsando mais calmo no peito amigo,
desabafa o angustiado coração:
Eu só procuro e encontro abrigo,
nos braços da solidão!



 
 
MARIA SOCORRO
Enviado por MARIA SOCORRO em 03/06/2012
Código do texto: T3702863
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Socorro Teixeira de Castro ( Florzinha)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MARIA SOCORRO
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 67 anos
4145 textos (1304858 leituras)
5 e-livros (3436 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 19:15)
MARIA SOCORRO