Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu... Só...

Eu... Só... Sem sonhos e esperanças,
exausta de sonhá - los e senti - las, em vão...
Eu... Só... E o tempo se derramando na
ampulheta da eternidade, grão a grão da
areia mágica que a tudo vai transformando,
deixando para trás como vestes rotas e inúteis...

Eu... Só... Lábios cerrados que jamais
poderão pronunciar palavras que expressem
o sentimento infinito, que existe dentro de mim...
Lábios selados, como neles houvesse uma
lápide que sela uma tumba...
Arianne Evans
Enviado por Arianne Evans em 01/05/2017
Código do texto: T5986134
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arianne Evans
Curitiba - Paraná - Brasil, 69 anos
719 textos (59776 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/06/19 08:26)
Arianne Evans