Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EMUDECENDO

Primeiro paramos de falar dos sonhos,
deixamos de lembrar as lembranças
perdendo os rastros, os traços
e tudo vira a mesma imagem
que rememora todas as outras:
uma pilha de louças por lavar,
ali, piscando os olhos, nos pomos
a esquecer do nosso redor,
até as paredes e as janelas
terem a mesma cor da água,
desguarnecemo-nos do silêncio
ligando a TV na novela,
então jantamos compenetrados
nas tramas particulares
de vidas imaginárias,
imaginamos todas as vidas
menos as nossas
e de repente nossos sonhos
são da TV.
Então paramos de falar
e responder.
Diego Duarte
Enviado por Diego Duarte em 07/08/2018
Código do texto: T6412572
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Diego Duarte
Ananindeua - Pará - Brasil
401 textos (7846 leituras)
3 e-livros (135 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/01/20 17:51)
Diego Duarte