Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tundra

Sinto meu coração congelando: tundra, vasta, rasa. Ainda funcional, cada pulsar remete à essa solidão impiedosa, que flagela meus dias com açoites diários de saudade, adubando terra morta, cheia de lembranças que não crescem, não amadurecem, morrem.

Solidão doutrinadora que deseduca minha ideia, forja moldes de ser e estar e assume as rédeas do que restou de mim: o pior, o indiferente.

Solidão que não respeita o verão, ignora as gramíneas surgindo com o nascer do sol,pequenas, frágeis e pavorosamente resilientes, que formam o véu que mantém o calor: a esperança.

Sinto meu coração congelando...
Pedro Henrique Miranda
Enviado por Pedro Henrique Miranda em 11/01/2019
Reeditado em 11/01/2019
Código do texto: T6548307
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Henrique Miranda
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 31 anos
35 textos (1188 leituras)
1 áudios (33 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/11/19 04:32)
Pedro Henrique Miranda