Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REINO DAS METÁFORAS

(para o Cláudio Pinto de Sá)

E o louco espírito bate à porta:

– Amado cronista,
tens a dureza dos pesadelos,
não repartes o reino das metáforas!

E são neurônios
aqueles que movem as peças?
 
– Bem  sei, o escritor é mais
do que uma ágil pluma!

Palavra é a alma volátil
dos signos
urdidos sob o lenço,
clausuras
na menina dos olhos.

– O que quer de mim o papel,
se já registrou a oclusão,
a impotência
de mudar o mundo?

Do livro OVO DE COLOMBO. Porto Alegre: Alcance, 2005, p. 49.
Joaquim Moncks
Enviado por Joaquim Moncks em 20/07/2005
Reeditado em 26/09/2005
Código do texto: T35927
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Joaquim Moncks
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 73 anos
3584 textos (902599 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/07/20 00:47)
Joaquim Moncks