Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rua 15 de novembro


Com calça dinz rasgada à meia altura do joelho,olhos grandes e azuis como um céu limpo,um coturno preto a altura da canela,simbolizando pertencer a um exercito com ideologias ,uma camisa da cor do coturno com um símbolo da anarquia ,vai o estudante pela rua 15 de novembro,despertando olhares,elogios e criticas,certo de si em passos longos e rápidos ,olhando em linha reta ,num destino que muitos desconhecem ao encontro de pessoas com a mesma ideologia e pensamentos.
Logo atrás observo da sacada do prédio ,do décimo quinto andar ,ao final da rua  15 de novembro,vejo um que de longe brilha seus brincos e sua corrente,num andar gingado,movimentando sincronicamente as pernas e os braços ,com um tênis alto desses de jogadores de basquete,uma calça extremamente larga ,e camisa de igual tamanho,,vem este de mochila nas costas  nem notando as pessoas que desviam dele atravessando a rua somente olha com um olhar lateral e continua sua jornada ,balançando a cabeça ,creio eu que segue o ritmo que toca em seu mp3 ,este já caminha lentamente pela rua 15 de novembro.
Vem cantarolando duas meninas de saias indianas ,cantando alguns reggae em rumo a um açaí que neste momento toca Bob Marley,assim segue ,assim vai o dia pela rua 15 de novembro ,pessoas de todos os estilos ,todas as raças pregando sua própria personalidade.
Pessoas de ternos ,outras de chinelo ,uns descalços outros de carro,pelo asfalto quente do verão,transita-se bicicletas ,e carrinhos das pessoas que pegam papelão ,do mesmo modo que vejo Mercedes bens e bmw,vejo que por mais que a rua 15 de novembro tenha um fluxo de muitas pessoas ,observo que são pessoas solitárias ,não se comunicam ,não se cumprimentam ,a não ser em caso de fazer um olhar de repressão ,ou indiferença ,assim segue a vida pela rua 15 de novembro a passarela dos humanos e dos desumanos ,uma passarela onde você é o estilista ,estilizando todo um quadro urbano .
Passa pela rua 15 de novembro;
Jovens ,velhos;
Pobres ,nobres ;
Negros ,brancos;
Índios ;amarelos;
Passa pela rua 15 de novembro;
Sábios ,ignorantes;
Moradores;viajantes;
Nordestinos ;imigrantes;
Passa a paz e a guerra;
O amor e o ódio ;
A humildade e o descaso;
Passa a fome ,passa a comida
Pela rua 15 de novembro passa a vida.
guido campos
Enviado por guido campos em 06/02/2007
Código do texto: T371384
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
guido campos
Taubaté - São Paulo - Brasil
468 textos (58257 leituras)
1 e-livros (30 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 04:39)
guido campos