Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Paranoia

Eu sinto que eles me perseguem!
Eu sei que eles me perseguem!
Eu os vejo em todos os lugares:
Em casa, no trabalho, nas ruas...

Eles estão em todos os lugares...
Às vezes é um menino,
Às vezes é uma menina,
Às vezes são todos eles...
Sempre pedindo:
Pedindo não sei o quê?!

Famintos, sedentos, trapos de crianças...
Eles me incomodam,
Eles roubam a minha Paz!

Que tenho eu convosco, ó crianças?
Não sou o Senhor da Sina!
Por que me perseguem assim?
Deixem-me em paz,
Em minha fingida paz!
Odeon Alves de Almeida
Enviado por Odeon Alves de Almeida em 06/12/2019
Reeditado em 06/12/2019
Código do texto: T6812024
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Odeon Alves de Almeida
Feira de Santana - Bahia - Brasil, 57 anos
228 textos (5210 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/01/20 06:48)
Odeon Alves de Almeida