Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha pátria,meu destino

Precisamos admitir...dói,mas esse país é um pouco covarde.
16 anos de esquerda no seu pior traje passaram em branco sem oposição,triste verdade.
Deitaram e rolaram com o dinheiro público e com o brasileiro,covarde. Nenhuma revolta,nenhum alarde.
A espera,um pouco inocente,foi de que um PMDB ou um PSDB pudesse nos salvar. Triste pensar.
O mensalão mostrou como queimar uma bandeira,real a real.
Os supostos "defensores do povo" mostraram sua verdadeira face,feia e desigual.
Vimos escolas e hospitais no mais pleno desmanche por anos a fio.
A compra e venda por apoio parlamentar também foi cena triste,e o povo mais uma vez,sem brio.
Pobres ficam ainda mais endividados.
Quem ainda tem algum dinheiro,vê o cofre cada vez mais esburacado.
Isso dói,e são fatos tristes,eu sei...
Mas eu nunca vou desistir desse país de vez.
Eu amo minha vida,eu amo quem me cerca,e minha pátria sempre tem meu amor e respeito,na certa.
Eu vou lutar por você,e que também lutem todos teus filhos...
Sou brasileiro,com muito orgulho e muito amor!
Minha pátria,meu destino.
Paulo Orlando Iazzetti
Enviado por Paulo Orlando Iazzetti em 13/08/2019
Código do texto: T6719493
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Orlando Iazzetti
Campinas - São Paulo - Brasil, 30 anos
305 textos (2674 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/19 05:02)
Paulo Orlando Iazzetti