AMOR PAIXÃO!...

Sem inibições nem pudores,
Por ti busco no meio da noite,
Mendigando retalhos de vida...
Não importa se é condenável,
Ou , se por dogmas milenares,

Seja eu apontada,
Acusada sem defesa!

Condenem-me como pecadora!...
Importa é este sentimento, que...
Como fogo, invade meu corpo!...
Queimando minhas entranhas.

O desejo impera!...
Superando razões...

Sedenta do teu amor,
Entrego-me à luxúria,
Entre beijos e carícias,
Viver o prazer infinito!...

Em gemidos a paixão incontida,
Transformada em felicidade...
Como testemunhas,
As sombras e quatro paredes...

Santo André/SP-BR
06.04.2005

CARMEN CRISTAL
Enviado por CARMEN CRISTAL em 08/04/2005
Reeditado em 02/07/2008
Código do texto: T10294
Classificação de conteúdo: seguro
Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.