Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Renascimento

Eu descansava sob o úmido
Sentia o cheiro forte do lodo
À sombra, deitava estagnado
Enchia-me de paz o corpo todo.

A calmaria plena me invadia
O vinho esquentava o peito
O cheiro de morte ali ardia
Eu queria viver ali daquele jeito.

As lembranças árduas de um tempo
Em que eu não sabia do fim
Angustiava e chorava por dentro
De um jeito que era dor, sim.

E a dor que era prazer e viciava
Como por sangue também se vicia
Era agora paz, junto à lua
Que, junto comigo, renascia!
Júnior Leal
Enviado por Júnior Leal em 13/04/2005
Código do texto: T11118


Comentários

Sobre o autor
Júnior Leal
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 35 anos
958 textos (33168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/07/20 14:45)
Júnior Leal