Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEBAIXO DE UMA PALMEIRA

Debaixo de uma palmeira o que mais dá é coceira /
bem lá na ponta do pé / longe da mão que feita é /
pra abanar bem de leve / o inseto que seja breve /
vem esse morninho da tarde / me leva todo / me invade /
o mar se bate à vontade só pra fazer esse alarde /
marisco / pedra / conchinha / sereia que vem é só minha /
o barco tem pescador / tem peixe / rede / sabor /
os olhos quase fechados alcançam o bem lavrado /
remanso quase escondido por detrás dos mil pés de figo /
ô boa moça que passa / moringa cheia /cabaça /
de cá um gole d'esságua / um sorriso lindo / sabido /
os vagalumes da noite suspiram embevecidos /
daqui não saio / nem vou / só se chamar meu amor /
tô lerdo / lento / macio / desaguo iguana de rio /
deixe esse mundo rodar nas pontas dos parafusos /
eu é que não vou ficar nem um pouquinho confuso /
nas nuvens vejo a infância / me lembro do quebra-queixo /
se a coceira passar aí é que não me mexo /
essa moleza é fruto desse desejo tão bruto /
de me esquecer das lembranças de quando eu era criança /
de pular cedo da cama / só pra enfrentar as escamas /
deixe eu cá virar casulo / larva / é que meu sonho é voar /
feito andorinha de praça / feito um pardal vira-lata /
um caracol tá passando / me recomenda uma brisa /
se bem que meu DNA vem lá de onde vem a preguiça /
me largue / deixe / me solta / senão eu viro revolta /
me espreguiço gostoso / dou uma risada gostosa /
viro de lado e desmaio num bocejar de jacaré /
se essa coceira passar esqueço até do pé.


Preto Moreno





 
Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 04/03/2006
Código do texto: T118665


Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
8825 textos (121657 leituras)
23 áudios (494 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 17:15)