Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOM SUAVE FLOR

Esse sax gritando impropérios
Aos homens sérios
Com suas janelas fechadas
E cortinas veladas...


Por menos
Por nada
Desce em escala voluptuosa
Até onde uma luz sobre a rocha
Mergulha seus olhos delicados
A procurar em mares ocultados
Sensações
Que os navios não trouxeram...

Esse sax
Alterando bares
E convulsões sustenidas
Como se toda a vida
Bebesse em si águas
Que hão de correr por ali
Enquanto a noite em negra nudez
Cumpre seu destino
Se abrindo
De uma só vez...

Esse sax!
Mata-me de amor...

Eu, ouvindo dores,
Bebendo em tua concha
O néctar suave de tua flor...
Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 23/09/2008
Código do texto: T1192738


Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
9386 textos (125962 leituras)
23 áudios (531 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/05/21 05:13)