Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O VENTO QUE NÃO SOPRA MAIS



Surgiste como uma lufada de vento
Suave brisa, encantamento
Felicidade, magia...

Hipocrisia!
Falsa imagem tua, surgia!

Temporal, ciclone...
Que a tudo consome...

Troglodita!
Ser primata!

Vendaval das profundezas...
Destilas das tuas presas
O doce fel...
Melifica as palavras...
Que no íntimo são pelagras...
Cruéis chagas!

Furacão...destruidor das emoções!
Avalanche de impropérios
Só enxergas o que teus olhos querem ver
Distorcedor de verdades

Tufão de maldades...insano!
Toma teu rumo...
Segue teu prumo!!!

Teu vento não me refresca mais!





 
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 25/04/2005
Código do texto: T12983


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (953131 leituras)
16 áudios (8941 audições)
311 e-livros (34560 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/08/20 11:26)
Denise Severgnini