Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vamos Brincar de Circo

Vamos brincar de deixar a felicidade nos visitar
DE vez em quando vamos brincar de amar
Estreiar o sabor de coisas que eu nunca fiz
Fazer magia com flores
Brincar de ser lua, ser vento, ser atriz
Vamos deixar rolar as lagrimas de nossa inseguranca
De vez em quando voltar a ser crianca
Vamos fazer de conta que tudo ja passou
E que num instante o ato recomecou
Vamos brincar de circo
Palhaco, bailarina no escuro, vela acesa
Vamos abrir mao de qualquer certeza
Tomar banho nus numa represa
Vamos soltar os cabelos pela escada
Vamos dar uma grande mancada
Nos deixarmos cair em qualquer cilada
Vamos sepultar nosso lamento
Atras da serra, na curva do vento
Vamos nos vestir de saudade
Vamos inventar a felicidade!

Para Daniel Caribe
Alyne Roberta Neves Costa
Enviado por Alyne Roberta Neves Costa em 30/04/2005
Código do texto: T14014


Comentários

Sobre a autora
Alyne Roberta Neves Costa
Salvador - Bahia - Brasil, 49 anos
28 textos (2725 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/07/20 05:50)
Alyne Roberta Neves Costa