Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os poetas não se calam.


Os poetas não podem cair
Diante dos fatos em Brasília.
Os poetas têm que reagir,
Saber definir,
Desejos e amores.

O poeta não é só ele
Leva a sociedade,pensar,
O poeta quer um mundo melhor,
Não sabe de tudo,
Mas, o pouco que lhe invade,
Resiste, ganha força e é dividido.

As coisas não são simples,
Porem, o poeta é conquistador,
Dedica-se integralmente a vida.
Acha através das palavras,
Meios poéticos
Para nascer esperanças.

O mundo fosse...Sufocado,
Ainda encontraremos:
Juli,                            Teca,
Kolemar,                         Mais e mais,
Sebastião,                       Outros e outros,
Heidi,                           Uns e uns,
Ive,                             Uns e outros,
João,                            Outros e uns,
Gilce,                           Mais, uns e outros,
Messina,                         e......................
Rosane,                          .......................
Jorge,                           .......................
Eder,                            .......................
Gótica,                          e Luiz Cláudio.
Victoria,                        .......................
Henricabilio,                    .......................
Flavinha,                        .......................
Alex,                            .......................
Andrewns,                        .......................
Clarimundo,                      .......................
Kzar,                            .......................
Dama de negro,                   .......................
Ivete,                           .......................
Luiz,                            ...
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 07/05/2006
Código do texto: T151957

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 57 anos
841 textos (30093 leituras)
1 áudios (186 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/19 05:10)
Condor Azul