Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homem ao mar

Apagaram-se as velas em alto mar
não há vento e o tempo soturno está.
A deriva se encontra a fragata
e o coração dos homens que nela está.

Eis os aventurados, desterrados, vêem-se atônitos
por terem apenas a fé como limite

Aos montes se laçam uns sobre os outros
na esperança de continuarem
o que sempre fazem
navegar mar adentro
rezar em segredo
suspirar profundo
desejar quase tudo
cantarolar dia e noite

Afim de aquietar a vida nos sonhos.

GN 24/05/2006
Gustavo Naufal
Enviado por Gustavo Naufal em 24/05/2006
Reeditado em 24/05/2006
Código do texto: T161840


Comentários

Sobre o autor
Gustavo Naufal
Curitiba - Paraná - Brasil, 39 anos
71 textos (2261 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/04/20 06:40)
Gustavo Naufal