Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rondó

Criança,
A febre lhe tolda o movimento.

Então sobre a mesa imunda,
Onde arremedos de humanos,
Em sua faminta espera,
Dilaceram vegetais amarelos,
Deu-se o milagre da luz.

Mas tamanha é minha repulsa,
Ante vultos da miséria,
Que inerte como sempre fui,
Me permito um instante,
De pura benevolência.

Criança,
A febre lhe tolda o movimento,
E então, não há dança nem beleza,
Quando a fome lhe marca o rosto.





EDUARDO PAIXÃO
Enviado por EDUARDO PAIXÃO em 30/05/2006
Código do texto: T166100

Comentários

Sobre o autor
EDUARDO PAIXÃO
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
1722 textos (28752 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/01/20 04:07)
EDUARDO PAIXÃO