Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Bruxa

Acreditava
que fosses tu,
uma bela princesa...

Enganado
estava eu,
com toda certeza!

Sua figura,
avistada pelos olhos meus,
a mim encantava.

Por muitas vezes,
fizestes tu,
meu coraçao acelerar...

Porém,
deixando a fantasia de lado,
descobri-te tão amarga!

E hoje por essa amargura
só ouço as vozes de desespero
que ecoam pela minha alma.

Então posso entender que essa raiva que sinto
são então mero reflexo
que espelha vossa natureza sombria...

Faz-me perguntar, por que
assim por fora, eres tão bela,
se por dentro apodrecida era!

Feitiço fizestes para cegar-me,
porém agora, passado o efeito enxergo-te,
como sempre foste, maldita bruxa.
Paez
Enviado por Paez em 25/06/2009
Código do texto: T1666143

Comentários

Sobre o autor
Paez
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 43 anos
133 textos (6430 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/07/21 20:03)
Paez