Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Teu vulto na neblina!

Caminhas como apenas um vulto
na neblina, no envolvebte nevoeiro...
Caminhas em longas e descontraídas passadas
levando na mente saudades e esperanças....

Caminhas...encoberta ou
Semi-descoberta, pelas luzes
de faróis que ao largo passam...
Reconheço pelo teu jeito
manso, sutil e lisonjeiro...
Tento apressar
tento enchergar entre
as névoas...
Os passos tento apressar...

Mas da mesma forma
misteriosa que surgiste
desapareceste...
Caminhei mais alguns
passos...tudo inutil...
Era apenas um vulto
perdeu-se na escuridão
e na névoa da noite...

Talvez tenha sido
a força das lembranças
de felicidade e luz...
Talvez tenha viajado no tempo,
no espaço, na esperança
e na saudade do coração...
...
Alguns amores apenas passam
e depois vagueiam em nossas recordações
trazendo saudade...
E alimentando sonhos!
Manoel Vitorio
Enviado por Manoel Vitorio em 25/06/2009
Código do texto: T1666745

Comentários

Sobre o autor
Manoel Vitorio
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 63 anos
6264 textos (221198 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/20 09:27)
Manoel Vitorio