Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEREIA

Sereia, ser das águas fundas
Serei eu objeto das imundas
Circunstâncias profundas

Sereia, desenha na areia
A certeza que permeia
A incerteza do meu ser

Sereia,eu sou mulher arteira
Que na tua teia não se enleia
Mas pranteia
O amor que me tomaste
Sereia, tua beleza é infinda
Mas te resta tempo ainda
Pra resgatar teu erro
Tira-me deste desterro
Devolve-me o amor roubado
Tomes o mar como namorado
E deixe-me ser feliz
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 15/05/2005
Código do texto: T17096


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (952204 leituras)
16 áudios (8940 audições)
311 e-livros (34553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/06/20 04:10)
Denise Severgnini