Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fulguras

Vertem como vento,
e caem ao relento..
Essas lágrimas,
do meu tormento.

Que fluem,
constantemente...
Pra aplacar os breves e,
felizes momentos...

São elas que,
imprimem..
O papel da solidão...

Sem paixão e,
sem dar as mãos...
Numa eterna desilusão...
Kahn
Enviado por Kahn em 18/08/2009
Código do texto: T1761539

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Kahn
Chapecó - Santa Catarina - Brasil, 33 anos
81 textos (2922 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/08/20 07:54)
Kahn