Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Velho Rio

Rio dos bares
Calçadões abarrotados,
Garotas e rotos seminus.
Avenidas América e atlética,
Atlântica, oceânica, poética.

Rio das multinacionais
Escravagistas, inumanas,
Essenciais e urbanas.
Corcovado, Pão de Açúcar,
Ipanema e Baixo Leblon.

Rio de Vinícius
Meu poeta redentor,
Cantador apaixonado.
Acorde maior, feliz assim,
Copa, Mengo e Tom Jobim.

Rio das mulatas
Aristocratas e candentes,
Sargentinho Sargentelli,
Oba! Oba! Que moleque!
Já te ouço o canto alegre.

Rio criança
Lapa, Lido, Leme amado,
Lembro sempre de Teresa
Seu bondinho eternizado,
Pedacinho de saudade.
Nelson Schocair
Enviado por Nelson Schocair em 25/05/2005
Código do texto: T19572


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Nelson Schocair
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
422 textos (363104 leituras)
2 e-livros (353 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/08/21 13:16)
Nelson Schocair

Site do Escritor