Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Triste decepção

Triste decepção
============ErdoBastos

Não tirava os olhos de mim
Na fila do cinema
Quando o filme chegou ao fim
Continuou o dilema

Porque será que me olha tanto
Se nem tão bonita eu sou
Me segue de longe, disfarçando
Mas vai sempre aonde eu vou

Entre tantas, me escolheu
Pra lançar-me os seus olhares
Porque não outra, e sim eu
Se em volta existem milhares

Vou chegando ao fim da avenida
Ainda muito intrigada
E ele, me segue ainda
Por toda a caminhada

E entro na rua escura
Que não tem nem luz nem asfalto
Quando ele o passo apura
Me alcança, e anuncia o assalto

Entreguei tudo o que eu tinha
Paralisada com a situação
Queria dele uma risadinha
Mas me veio com a arma na mão

Depois de me assaltar,  ele disse
-  Que bom que vc não reagiu
Ficaria triste se te ferisse.
E eu respondi: - Já feriste!.

Não com a arma que tens na mão.
Mas com esta nova que usaste.
Nunca usada por outro ladrão,
esta arma que tu me mostraste

Tua beleza e sedução
Me impediram de me prevenir
Avaliei com o coração
Porque estarias a me seguir

Qualquer arma, hoje em dia
Estão usando os ladrões
Nem o revolver nem a lâmina fria
Hoje assaltam usando nossos corações...


ErdoBastos
Enviado por ErdoBastos em 23/07/2006
Código do texto: T200129


Comentários

Sobre o autor
ErdoBastos
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 65 anos
789 textos (41955 leituras)
2 áudios (132 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/02/21 19:51)
ErdoBastos