MORMAÇO

Praias desertas

Sem sinais

Sem miragens

Sem sol

Sem signos

Apenas o vento

Perdem-se no ar

Os olhares da areia

Otávio Coral
Enviado por Otávio Coral em 15/06/2005
Código do texto: T24834