Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MELODIA DO OLHAR

*Fanny*

Por que me olhaste daquele jeito?
Não sabias que meu coração te desvendaria?
Olhar feito canção que fez dançar minha essência
retornando ao passado das enigmáticas reminiscências...

E tu?...Também sentiste no meu olhar
a mesma melodia das nossas palavras caladas?
Daquelas que nos murmuravam
os toques mágicos de nossas almas enamoradas?

E agora...onde estás?
Onde está esse olhar que me vestiu de luar
e me transportou para outras esferas da existência?
Por que não vens aconchegar-te nas estrelas
das nossas ousadas fantasias,
dos nossos eternos carinhos bordados de poesia?

Vem amor ! Solta-te !...
Sacode as ténues diferenças,
aninha-te no meu colo ...oásis de mil alegrias...
voa nas asas dos teus sonhos que também são os meus...
e procura-me no infinito do teu sentir...
onde sempre morei, mesmo sem te aperceberes...

Entrega-te e deixa-me descobrir, docemente,
na pele dos teus segredos a minha fragrância eterna em ti....
Deixa as minhas mãos dedilharem teu corpo despido de razão.
Deixa-as sussurrarem-te minhas sentidas ternuras,
minhas magias profundas,
meus anseios contidos e escondidos,
meu universo de porcelana onde só tu habitas...

Sabes?
Mesmo que não venhas...serás eternamente meu
E se eu não beijar a tua presença,
beijarei a suavidade e a beleza da tua alma
com o olhar puro da minha essência,
bálsamo perfeito das dores de ausência...

Tu serás sempre a melodia que canta no meu coração,
embalada pelas emoções das nossas meigas lembranças.
Fanny Estrela
Enviado por Fanny Estrela em 22/06/2005
Código do texto: T26834


Comentários

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (7743 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/07/20 03:27)
Fanny Estrela