Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOLIDÃO

*Fanny*

Nas tardes silenciosas dos meus dias
contemplo o mar invisível...
Escuto o sussurrar das ondas que embalam
meus desarrumados sentimentos...
Minha alma incompleta!...

Ergo os olhos para o horizonte
e perco-me no infinito de um labirinto!
Tantas e tantas palavras atiradas ao vento!!!
Gaivotas ouvintes mergulham no mar
e levam-nas em segredo...

Uma suave brisa acaricia o meu rosto...

Momentaneamente SORRIO...
O meu pensamento voa... voa...
até ao interior dos meus sonhos...
Sonhos proibidos... perdidos... num árido e seco deserto
onde o oásis pereceu...

Gotas de orvalho banham meu olhar fechado de dor...
pela ausência de ti Amor!
Perco-me e não me encontro!
Vagueio na escuridão de uma noite
sem estrelas e sem luar...
Fanny Estrela
Enviado por Fanny Estrela em 27/06/2005
Código do texto: T28255


Comentários

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (7997 leituras)
1 e-livros (104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/10/20 01:34)
Fanny Estrela