Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FOLHAS SECAS NO CAMINHO

 Paro, e quando paro reparo as folhas secas no chão,
 Caminho, e no caminho piso as mesmas folhas secas que vi
 Sem ter ao menos a desculpa da distração.

 Contemplo, e com  o tempo preencho o vazio do dia que hoje eu vivi,
 Ressurjo, e meio sujo e tristonho percebo que ainda não morri.

 Desabo, e desabando eu acabo com os sonhos que tive e que realizei,
 E acho, que mesmo sem ter sentido, o que tenho vivido um dia eu        sonhei.
Wagner de Souza
Enviado por Wagner de Souza em 09/03/2011
Código do texto: T2838058

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Wagner de Souza
Piracanjuba - Goiás - Brasil, 35 anos
20 textos (1425 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 31/03/20 19:05)
Wagner de Souza