Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amo-te assim...


Amo-te, sem ontem e sem amanhã
Sem alianças, sem hora pra chegar ou partir
Amo-te simplesmente porque és e estás aqui
Um amor claro e manso, sem medos e sem freios

Amo-te como uma noite de claro luar
Como brisa fria, como arrepio
Como um gotejar incessante
Amo-te como meu poema predileto

Amo-te em secreto, minha sinfonia
Minha tela valiosa, minha euforia, minha agonia
Amo-te como se em mim estivesses
E eu de ti nunca me desprendesse

Amo-te simplesmente com desvelo
De quem ama sem esperas
Sem cobranças, desde o ontem
Até o amanhã, o sempre
Angélica Teresa Faiz Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Faiz Almstadter em 09/07/2005
Código do texto: T32447
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Faiz Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 66 anos
1119 textos (65624 leituras)
25 áudios (3317 audições)
1 e-livros (254 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/21 02:19)
Angélica Teresa  Faiz Almstadter