Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SERÁ POESIA?

É poesia o que faço?
Não, acho que não.
Já poetaram tudo
O mundo, o amor a canção.
Talvez eu repita versos
que no espaço estão

Os poetas já desvendaram tudo.
Decifraram  o coração,
Cantaram a dor,
A saudade e a paixão
Falaram das flores
Da alegria e da solidão

Então eu pergunto:
É poesia o que faço?
Acho que não!
Dos livros que li,
Do amor que vivi
Das lágrimas que chorei
Da saudade que senti
Ficaram restos
Que embalam  versos
Meus ou não.

Me perdoem.
Acho que só copio,
repito o que ouvi.
Reescrevo o que escrevi.
Isto é poesia?
Parece que não.

Por que insisto em escrever então?
Não sei  extravasar minha emoção,
só me encontro quando escrevo;
é um desabafo tão bom.

Minha terapia
é  a poesia,
é  fazer versos
próprios  ou não.
Guardo rascunhos.
Nem ouso publicar muitos...

Passo para o papel
o que a mente dita,
sem avaliar, sem criticar;
só  para acalmar meu coração.
Lumar
Enviado por Lumar em 04/02/2012
Código do texto: T3480389

Comentários

Sobre a autora
Lumar
Goiânia - Goiás - Brasil
52 textos (10331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/03/21 19:19)
Lumar