Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Antítese

(Experimente ler assim depois:
 Ex: "Um recalcado transita/Os calmos viraram andarilhos/Uma raiva fica impedida"
1ª frase de cada estrofe, em sequência)


Um recalcado transita
Um ressarcido parasita
Um bêbado palpita
Um amor de noviça
Um ardor de mortiça
Um sonho de artista
Um mistério sem pista

Os calmos viraram andarilhos
Os ricos andaram generosos
Os sóbrios andaram nos trilhos
A velhos amores saudosos
Os alívios de vida
As realidades de fel
Desvendam a saída
As vontades de olhos cor de mel

Uma raiva fica impedida
A fortuna te leva...
Aonde sem bebida?
Uma freia de reza
A sofreguidão da vida
Pra quando se lesa
Fecham as saídas
A antítese que se presa
Diz-me opostos suicidas...
Gustavo Luiz Martins Oliveira
Enviado por Gustavo Luiz Martins Oliveira em 18/01/2007
Reeditado em 22/01/2007
Código do texto: T351583

Comentários

Sobre o autor
Gustavo Luiz Martins Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 39 anos
142 textos (4291 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/20 03:28)
Gustavo Luiz Martins Oliveira