Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HERANÇA DO TERCEIRO MUNDO

Não quero mais a verdade de tudo!
Quero a liberdade de ter dúvidas.
Ver a chuva caindo sobre mim
E pensar que são lágrimas
De uma dama secreta
Que um dia perdeu seu amor.
Não quero mais esa realidade
Que há na dor,
Nem essa beleza irreal
De achar que o mundo é complexo,
De ver as pessoas que se guardam num segredo.
Quando pequeno,eu via as estrelas
E imaginava que elas eram
Uma grande cidade no céu.
Hoje cresci
E os astrônomos se vingaram
De minha inocência.
Como quem fica horas e horas
Jogando pedrinhas no açude,
Assim passou minha vida.
Não me faltou nada,
Tudo provei e admirei!
Hoje falta-me o sonho...
Não quero mais a certeza
De que o mundo é mundo,
Quero as dúvidas de eu menino,
Quero,de novo,a emoção
De poder nomear as coisas:
Pedra,és Pedro!
Rio,és rua!
Lua,ah!És a casa
De Dom Quixote de La Luna,
Que contraria São jorge
Em sua luta milenar
Com o seu dragão de vento.
Fui à escola com roupas remendadas,
Não havia vergonha,havia honra!
Algo que meu pai sempre dizia:
_Um homem tem que saber desenhar o seu nome...!
Eu aprendi.
Sempre isso que desejamos,
Essa mesma necessidade de salvação,
Enquanto vamos compondo
Com nossas guitarras de papel.
Gilberto de Carvalho
Enviado por Gilberto de Carvalho em 21/01/2007
Código do texto: T353875
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Gilberto de Carvalho
Pirajuí - São Paulo - Brasil, 48 anos
320 textos (22114 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/20 00:30)
Gilberto de Carvalho