Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Solidariedade

A gente sempre começa
uma poesia ou seja lá o que isso for,
sem saber onde  vai dar.
Sim, poesia é uma espécie de roleta russa.
Numa dessas,
a bala atravessará nossas cabeças.
Por via das dúvidas,
aponto a arma para qualquer cabeça
que não seja a minha.
EDUARDO PAIXÃO
Enviado por EDUARDO PAIXÃO em 21/01/2007
Código do texto: T354281

Comentários

Sobre o autor
EDUARDO PAIXÃO
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
1724 textos (28936 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/09/20 10:42)
EDUARDO PAIXÃO