Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conspiração

Nasceu uma estrela, eu vi
de longe uma gota cair
É chuva não, é lágrima
Menina estrelinha chorava
Triste por quê? Não sei,
se só acabou de nascer
Medo de quê? Não tem,
já chega o amanhecer

Luzinhas brincavam amigas
Estrela não está sozinha!
Não chora, não teme,
mal surges aqui no céu
manhã te tirará o véu
E noite que vem
vem brilhar só pra mim

Mas quando chegava a manhã
O sol chegou para abrir o dia
Inveja sentiu da pequena,
frágil e chorona estrelinha
Não sei por que, nem como
Acho que o céu conspirou
O sol todo poderoso
A luz da estrelinha roubou
Ninguém mais nunca a viu
Lágrima sua nunca mais caiu
Muitos nem souberam que ela existiu

Em céu de um forte é assim
O universo conspira para um fim
É assim em céu de um forte
Pequeno acaba na sorte
Entre o fim da luz e a morte

Lua Minguante
Enviado por Lua Minguante em 05/02/2007
Código do texto: T370387

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Lua Minguante
Mococa - São Paulo - Brasil, 30 anos
53 textos (9959 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/08/20 00:31)