Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EFÊMEROS MATIZES


Como apaixona um luar
Às vezes, porque é assim
Que se deve insinuar
A imaginação festim

E sendo a emoção tamanha
A se realizar tão fundo
Que algo essencial me apanha
Faz-se, nasce num segundo

E frescor da noite vem
No silêncio que acalanta
O sono do sol aquém
Se além outro dia encanta

Também haverá de ser
Porque é tão breve o tempo
De o arco-íris no ascender
E ir-se enquanto o contemplo
Miguel Eduardo Gonçalves
Enviado por Miguel Eduardo Gonçalves em 06/02/2007
Código do texto: T371691
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Miguel Eduardo Gonçalves
São Paulo - São Paulo - Brasil
1058 textos (33859 leituras)
1 e-livros (40 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/20 02:07)
Miguel Eduardo Gonçalves