Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CRAVE!

Teus acordes de pensamento
Dedilhados numa dor intensa.
Já cansaram desse sofrimento
E da melodia que nos alimenta.

Entrega-me a nota mais distante
Sussurrada de maneira tão pouca.
Que eu num improviso sufocante
Suprimo seu gritar de voz rouca.

E os toques leves da sua mão...
Enlouquecidos na balada da canção,
Crave-os com força no corpo de mim só!

Como fazer-se querer o doer do meu castigo?
Deixe que a ferida do teu violão antigo
Cicatrize em minha gaita de blues em Dó!
O FEIO
Enviado por O FEIO em 20/02/2007
Código do texto: T387695


Comentários

Sobre o autor
O FEIO
Juazeiro - Bahia - Brasil
325 textos (11928 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 18:19)