Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Das malvadezas...

Aquilo que pede sem precisar,
Tudo que faz sem nada fazer,
Falar falando sem uma palavra
Também nada havia de bom proveito,
Diz que pensa, mas tudo é impulso,
Diz que releva, mas sempre pilha,
Quando agrada é com mau gosto,
De tudo só vê dificuldades,
Nada agiliza, nada cria, nada produz,
O mal que pensa, nem repensa, irrita...
Das tarefas, sempre empurra para alguém,
Só os outro erram, chuta o balde,
Gasta além da conta e ainda desdenha,
Efeito cigarra na folha ao sol,
Em tempos úmidos, ainda pensa só em um...
Quando dois matem uma certa justeza...
Esquece a bola, perde o trem...
Sacola vazia na panela cheia de dilemas,
Dos efeitos, sem eleitos, só mal jeito,
O que busca não se tem para venda...

2015
Peixão
Enviado por Peixão em 19/04/2015
Código do texto: T5212928
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 59 anos
3231 textos (121653 leituras)
1 e-livros (245 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/11/19 15:28)
Peixão