Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu cinza é luminoso...

O vulto que do que sou,
Apropria-se das palavras que digito,
Fazendo-se presente nas linhas que escrevo...
O que “sou”, transparecerá sempre no que “estou”
Neste momento as cores e sons serão o que me resumem...
Estou vagando, entre estar num navio
Que passa por águas profundas e frias
E\ou, quentes e ensolaradas...
Mas sempre rumo a meu norte,
Jesus Cristo, meu porto seguro!
Essa e assim sou\estou eu!
Definida tão indefinidamente
Como só pode ser quem voa nas asas da imaginação....
Se busco o sol na meia noite,
É pela certeza do sonho...
E quando de encontra-lo,
Abraço-me ao seu existir
Para que não morra a memória
Do que quero ser...
De onde estou,
Para onde devo ou quero ir...
Meu céu, tem tons de cinza,
Mas é um cinza é luminoso!
Observadora
Enviado por Observadora em 01/09/2016
Reeditado em 01/09/2016
Código do texto: T5747302
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Observadora
Salvador - Bahia - Brasil, 53 anos
502 textos (28061 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/11/19 20:01)
Observadora