Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem súditos!




Estou a um canto do mundo,
A ver navios que passam na amplidão,
A naufragar na imensidão do mundo,
Um império parado no tempo,
O rei parado no topo,
Dum império sem súditos,
O abismo se abrindo a meus pés,
Obscuro!
Estou só!
Até quando?




21/09/88
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 22/10/2005
Código do texto: T62228
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 59 anos
1820 textos (190922 leituras)
23 áudios (10878 audições)
40 e-livros (11028 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/01/21 18:00)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor