Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Leminskiando ou Me Laskando

Rosa Pena
 
 
A poesia...
Tem que sentir 
Deixa água na boca 
Abuso do sal 
Amargo de um porre. 
Coisas de love que se resolve 
com um sonrisal. 
O melhor e não faz mal. 
Lirismo não é encargo. 
Poeta é destino. 
O segundo é um alexandrino?. 
Para ela o que não é 
vale como se fosse. 
Agora por exemplo 
Sou a gata do Pacino.


 
 
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 03/04/2018
Código do texto: T6298709
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
987 textos (1584385 leituras)
48 áudios (24852 audições)
33 e-livros (31245 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/19 05:51)
Rosa Pena

Site do Escritor