Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PIEGAS

que seja assim
ridículo esse amor
que me importa...
quero mais é amar
amar
assim
deliberadamente
sem medo
e se for piegas
que seja...
quero as noites
enluaradas
quero beber minhas
paixões
viver minha vida
gritar
e daí, que me importa...
o que me importa
sim
é amar
e for ridículo
que seja...



EDUARDOS POETA
Enviado por EDUARDOS POETA em 30/08/2007
Código do texto: T630291

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
EDUARDOS POETA
São Paulo - São Paulo - Brasil, 47 anos
30 textos (481 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 10:51)
EDUARDOS POETA