Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SENTIDO

 
 
 
O corpo dá o primeiro sinal
Outro dia vai acontecer...
Os olhos sentem o peso da vida
Sabem que é para viver.
 
A paz do silêncio ainda  conforta a alma...
Mas a vida aflita espera os passos...
E as próprias tristezas motivam o caminhar...
 
 
Alguns passos já se fazem ouvir...
Vozes soam como música...
Espantando a solidão do escuro da noite que findara.
 
 
O corpo caminha pela estrada...
Dando sorrisos que não recebeu...
Ofertando ternura que não teve...
 
 
Se vier o sol, brilhará sozinho...
Se vier a chuva não conseguirá molhar o peito seco, árido...
 
 
E a consciência que tem uma estrada
 faz caminhar...
Mas a desesperança não deixa enxergar onde o caminho quer chegar...
 
 
Ao ouvir o barulho de risos infantis e inocentes,
Faz acordar para o presente que se fez presente
Então a cabeça se ergue...
e o sentido da vida acabou de encontrar.
Pois lembrou que também era criança,
Não devia perder a esperança.
Significaria a morte em vida,
Presa pela grande ferida.
Mel L Frankust
Enviado por Mel L Frankust em 01/09/2007
Reeditado em 01/08/2009
Código do texto: T633361

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mel L Frankust
Goiânia - Goiás - Brasil
749 textos (34713 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 07:14)
Mel L Frankust