Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Paixão Perdida

Abra a porta devagar,
Não quero vê-la sair,
Você sabe que eu a amo,
Mas não posso impedir.

Eu te peço que não me olhe,
Como alguém que me desfaz,
Vai ser ruim, eu sei,
Vou vencer, eu sou capaz.

As lágrimas irão rolar certamente,
Mas tão logo irão secar,
Vou me recompor em silêncio,
Vai ser difícil, mas vou tentar.

Leve tudo, não deixe nada,
Pra que eu não tenha lembranças,
Não vou viver dependente,
De um amor sem esperança.

A solidão vai morar comigo,
O meu peito é seu lugar,
Quem sabe um dia eu saberei,
Escolher, e me entregar.

Não Pense que sou perfeito,
Pois a vida tem embaraços,
Retorna nas noites a saudade,
E o travesseiro eu abraço.

Assim os dias vão resumindo,
Toda paixão que guardo aqui,
bebo até um pouco mais,
Ao lembrar as vezes de ti.

Eu insisto em não querer,
Sair por ai a te procurar,
Pedir que somente volte,
Vai suprir, vou melhorar.

Vou querer te dar o mundo,
Para que possa ficar,
Vou te curtir cada segundo,
Sem deixar nada passar.

Volto a ser o que era antes,
Um sol forte ao amanhecer,
Um homem feliz e constante,
Nas delícias e no prazer.
maninhu
Enviado por maninhu em 06/09/2007
Código do texto: T640583

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
maninhu
Rondonópolis - Mato Grosso - Brasil, 54 anos
895 textos (5347 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 11:43)
maninhu