Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Um Anjo no Céu e no Inferno
 
Dentro de mim mora um anjo 
que dividiu meu coração em dois mundos
Um ele chama de céu, o outro ele chama de inferno
Quando ele me leva ao inferno
chego disfarçada com semblante indefeso
com olhar meigo, sorriso tímido
Caminho solene por entre o fogo
 sentindo desejos proibidos
que me levam a loucura
 Busco os prazeres escondidos
camuflados, reprimidos, contidos 
 na ânsia louca de viver
todos os meus sonhos profanos
E é lá no inferno, que  os meus lábios
vestindo batom carmim
ardem na procura de algo impreciso
Minha carne coberta com túnica de lantejolas
pede a indecência incandescente
Lateja em meu corpo o gosto místico e feroz 
Desperta nos  meus sentidos o sabor das impossibilidades
Sou só angústia queimando desejos no limite da carne...
 
Desse intenso imaginar em brasas, mudo de mundo
Da perdição com o meu anjo, chego a inocência
Entro no céu plácido, sereno e calmo, que refresca
E é no céu, que a pureza, o bem, a paz
me vestem de astúcia
me colocam no olhar um pouco de malícia
Disfarço em sedas decotadas com muitas tonalidades
toda a minha bondade
Caminho entre as nuvens atrevida e sensual
Sinto ternura, doçura 
Sou toda perfeição na alma e no coração...
 
Andarilha,  
com sapatos de emoções
passos incertos
busco intuições
toureando idéias
entre o abismo e o céu
entre a queda e o vôo
entre a certeza e a dúvida
oscilando entre o bem e o mal
 
Nessa discordância disfarçada 
busco a minha verdade interior
Sou anjo que voa no inferno
Sou anjo que  rasteja no céu...
 
Sandra Lúcia Ceccon Perazzo
(Sperazzo)
Ano/2004

Sperazzo
Enviado por Sperazzo em 28/10/2005
Reeditado em 24/09/2008
Código do texto: T64772
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Sperazzo
São Paulo - São Paulo - Brasil
303 textos (48535 leituras)
33 áudios (1154 audições)
1 e-livros (92 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/07/20 01:40)
Sperazzo

Site do Escritor