Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Difícil poesia



Nada. Palavras não são gado.
Se não é o momento, o dia,
não há nenhum agrado
que as recolham no curral da poesia.

Não há isca ou armadilha
que fisgue rimas prontas.
Lanço rede por sobre a quilha
recolho tristes letras tontas.

Passa o cardume, estoura a mandada
Nada
Nada
Nada...
Mauro Gouvêa
Enviado por Mauro Gouvêa em 13/09/2007
Código do texto: T650662

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Mauro Gouvêa - www.recantodasletras.uol.com.br/autores/maurogouvea). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mauro Gouvêa
Alfenas - Minas Gerais - Brasil, 52 anos
432 textos (57738 leituras)
3 áudios (864 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 19:17)
Mauro Gouvêa