Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nunca serão o bastante.

NUNCA SERÃO O BASTANTE.


Se ajudares ao próximo, dando
A palavra que conforta
O discernimento que mostra
O caminho a percorrer
Para  alcançar a vitória...
Nunca serão o bastante.


Se consolares os aflitos
Em seus momentos tão tristes,
Transformando em alegrias
Os pensamentos que sentem
E lhes dão melancolia...
Nunca serão o bastante.


Se amares a tudo e a todos
Sem distinção e com dedicação,
Seus atos representarão
Amizade e humanidade
Respeito e fraternidade
Nunca serão o bastante.


Nossa estada nesta vida
É pouca pra tanta luta
Passageira,  e tão marcante
Que fazer de cada instante
Algo digno e relevante.
Nunca serão o bastante.

Denise Vieira
Do Livro :Em canto poético
Denise Vieira
Enviado por Denise Vieira em 16/09/2007
Reeditado em 12/12/2008
Código do texto: T654752

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Vieira
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
601 textos (40946 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 04:42)
Denise Vieira