Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que fazer agora que encontrei-te


                Cada vez mais penso,nas surpresas que a vida nos dá,mesmo depois de uma situação dificil,ou melhor uma decepção a vida nos presenteia com outra que nos faz acreditar que se apaixonar valerá sempre a pena.
               Agora que encontrei-te, fico a pensar o que fazer da vida sem seu cheiro suave,sem poder apreciar teu olhar,que espantada diante da situação que não esperavas que irias encontrar,sem suas palavras de que me deram incentivo para acreditar que realmente sou uma pessoa especial.O que faço sem poder ouvir sua voz suave, e sentir sua respiração ofegante,onde as palpitações de teu coração que se fazia sentir em meu peito.Me deste o sonho de poder apaixonar-me novamente,sentir o frio suave no estomago e meus lábios juntos aos seus se transformarem numa sifonia onde os acordes se aproximam da perfeição de uma canção onde o amor,pode ter a oportunidade de nascer e florescer como o faz a roseira que agradecida como brilho do sol expande seus botões vermelhos e transformando em rosas vermelhas agradecida peladádiva que a vida nos dá.
         Mas dou-lhe razão quando temes em deixar se apaixonar,pois este mesmo amor crescente e pujante tem facetas que não podemos por vezes dominar...Mas mesmo assim eu,confiante e agradecido pelo que já recebi,estou plenamente feliz e acreditando que possamos navegar em mares calmos,onde a brisa suave nos levará a um porto seguro para mais uma vez,musa de meus sonhos,beijar-te novamente..

                   Gilmar  16 de setembro 200
Gilmar Santos
Enviado por Gilmar Santos em 16/09/2007
Reeditado em 19/03/2008
Código do texto: T655259

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilmar Santos
Planaltina - Distrito Federal - Brasil, 60 anos
696 textos (114271 leituras)
53 áudios (5044 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 20:55)
Gilmar Santos