Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BORBOLETEAR

BORBOLETEAR

Breve vai chegar o hora,
vou deixar essa vida de larva,
lagarta que se arrasta  pelo chão,
estágio de provação que eu preciso viver
para construir o meu futuro,
e, na clausura, produzir o meu retorno triunfante.
Dar à luz minhas asas
de colorido exuberante
e beleza sem par,
pra viver, ainda que efêmera,
minha sonhada  liberdade,
a vida colorida nos jardins
que a natureza, em recompensa,  me oferece.
Vou beijar as flores,
me exibir e me entregar,
distribuir o amor,
borboletear por aí,
na tentativa de continuar.
Mario Rezende
Enviado por Mario Rezende em 31/10/2005
Reeditado em 04/11/2005
Código do texto: T65667


Comentários

Sobre o autor
Mario Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
724 textos (55124 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/10/20 21:00)
Mario Rezende