Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anjo do Pecado

Oh! Anjo do Pecado
Que anarquizas o Céu
Foste condenado
Pelos maldosos do Bem
Por entre os girassóis
Que superam os lençóis
Do verão mais sombrio
Que em um beijo frio
Desfez todo o calor
E trouxe de volta o rancor
Dos mais mórbidos anjos.

Oh! Anjo do Pecado
Que sonhas com o trono
Que queres ser o rei
Rodeado de pálidas Bromélias
Foste mandado ao Inferno
E que em chegada às trevas
Impondo Anarquia Gereralizada
Foste rejeitado
Por entre as trepadeiras
Roseiras sem Rosas
Que cultivam o espinho
Ervas venenosas
Não há o que fazer.

Oh! Anjo do Pecado
Suas esperanças jazem nos Céus
Acorda de teu sono
Limpe todo teu pranto
Que és mau para o Bem
Que és bom para o Mau
Que foste rejeitado
Por tudo e por todos
Apenas pelo pecado
De ser o que se é.
Júnior Leal
Enviado por Júnior Leal em 14/03/2005
Código do texto: T6581


Comentários

Sobre o autor
Júnior Leal
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 35 anos
958 textos (33117 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/05/20 12:00)
Júnior Leal