Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estrelas De Plástico

Não há novidades do lado de cá
do meu mundo.

Se há oportunidade ela logo
se perde no bom gosto
da desesperança que traça
as linhas de minhas horas.

Voluntária da dor,
classista do sofrimento,
sócia das lágrimas
que se derramam
como as cataratas do Niágara,
promovo minha angústia
na autoria de minhas letras
que trazem o alívio
temporário para a alma.

Favorita do rei para sofrer
as agruras de seu reinado,
não fiz concurso para premiar
minha ousadia em invadir
suas belas paisagens.

Do lado de cá do meu mundo,
poucas são as luzes
que se acendem...
e quando acendem,
as estrelas são de plástico...
Maria
Enviado por Maria em 20/09/2007
Código do texto: T660399
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4823 textos (194941 leituras)
1 e-livros (121 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 01:24)
Maria

Site do Escritor